Julianne Moore, vencedora do Oscar 2015, é cortada de propaganda por atuação pobre

Julianne Moore pode até ter sido eleita como Melhor Atriz na cerimônia do Oscar deste ano, por sua atuação no filme "Para Sempre Alice", mas o seu talento foi questionado pelo Ministério da Cultura e do Turismo da Turquia que classificaram sua atuação como pobre.

De acordo com o "Hürriyet Daily News", Julianne havia sido escolhida para fazer uma propaganda de turismo para o país asiático. Intitulado "Home Of", o comercial mostraria a atriz revisitando suas viagens de infância à Turquia enquanto andava de avião.

De acordo com Emre Yücel, proprietário agência responsável pelo comercial, a atriz, que também ganhou o SAG Awards 2015, foi escolhida para atrair ricos turistas norte-americanos e britânicos para a Turquia. Segundo o "Newsweek", o comercial chegou a ser gravado em Los Angeles no ano passado e tinha previsão de ser exibido em fevereiro, mas o Ministério de Turismo exigiu que tudo fosse refeito, mas a decisão foi negada pela atriz.


Aos 54 anos, Julianne Moore, que já protagonizou cenas quentes com Robert Pattinson, foi considerada uma pessoa depressiva e a agência responsável teve um prejuízo de R$ 1,5 milhão com a reprovação do material.

Nenhum comentário:

Postar um comentário